DROPS DE CAFÉ

Hoje lia para os bebês ( pra quem não sabe, “bebês” são meus 60 aluninhos de 4 anos ) o seguinte poema da Cecília Meireles, que mais tarde viria, sincronicamente, fazer parte da oficina de poesias da qual estava participando:

“OU ISTO OU AQUILO

Ou se tem chuva e não se tem sol,
ou se tem sol e não se tem chuva!

Ou se calça a luva e não se põe o anel,
ou se põe o anel e não se calça a luva!

Quem sobe nos ares não fica no chão,
quem fica no chão não sobe nos ares.

É uma grande pena que não se possa
estar ao mesmo tempo nos dois lugares!

Ou guardo o dinheiro e não compro o doce,
ou compro o doce e gasto o dinheiro.

Ou isto ou aquilo: ou isto ou aquilo…
e vivo escolhendo o dia inteiro!

Não sei se brinco, não sei se estudo,
se saio correndo ou fico tranqüilo.

Mas não consegui entender ainda
qual é melhor: se é isto ou aquilo.”

Quando acabei de ler, eles ficaram alguns segundos em silêncio, me olhando… Como se tivessem se dado conta do que eu viria a perceber algumas horas mais tarde. A vida é feita de escolhas. Isso é uma grande responsabilidade, um grande medo, uma grande dor, uma grande alegria. Só que às vezes é muito difícil. E é horrível quando a gente não sabe se é isto ou aquilo. E mais horrível ainda perceber que não se pode ter tudo.

E sinceramente, agora estou me sentindo feito uma menininha de 4 anos que acabou de perceber que, às vezes, fazer grandes escolhas é coisa de gente grande por dentro, é difícil demais… E ainda mais difícil é conviver com as escolhas dos outros quando elas não combinam com as nossas. Uma pena eu não poder correr pro meu ursinho de pelúcia e pra minha chupeta agora.

Novamente, pra quem não sabe… Odeio café.

Um comentário sobre “DROPS DE CAFÉ

  1. Mário, vc é um chato, mas eu perdôo vc. E vê se cuida bem da menina, oras, vc tá aí perto, eu aqui tão longe… Pelo menos podia mostrar q é homem pra essas coisas. E vamos parar de quebrar o pau aqui q daqui a pouco ela expulsa nós dois. 🙂

    Fúlvio | Email | 10-08-2003 18:21:35

    E vc ainda é amiga desse nó cego? Não creio, menina… Renove suas amizades. E espere por mim morena, que eu chego já… Bjo.

    Fúlvio | Email | 10-08-2003 13:58:28

    Não acredito que esse cara ainda tá na sua… Poderosa vc, hein, filha? Hehehe.

    Zé Mario | Email | 10-08-2003 01:57:00

    Ká, seu blog é lindo, lindo, lindo, sensibilíssimo como vc. Sobre esse post… Desconfio o motivo e queria te lembrar de algumas palavras. “Mas é claro que o sol vai voltar amanhã, mais uma vez… Eu sei… Escuridão já vi pior, de endoidecer gente sã, espera que o sol já vem… Tem gente que está do mesmo lado que você, mas deveria estar do lado de lá… Tem gente que machuca os outros, tem gente que não sabe amar… Tem gente enganando a gente, veja a nossa vida como está… Mas eu sei que um dia a gente aprende. Se você quiser alguém em quem confiar, confie em si mesma. Quem acredita sempre alcança.” Espero que você sempre esteja se lembrando dessas palavras, querida. Eu já estou morto de saudades suas. Vai ficar tudo bem, e eu te amo sempre. 🙂 Cuide-se… E escreva cada vez mais. Ful

    Fúlvio | Email | 09-08-2003 23:07:26

    sugestão de bebada e equilibrista.. e qm disse q se conselho fosse bom se vendia? textos bem legais.. :* MOssa!

    DeH | Email | Homepage | 09-08-2003 16:52:27

    Adoro esse poema… 60 alunos? nossa… Eu era voluntaria em uma escola de 13 alunos entre 4 e 7 anos e já ficava louca.. vc deve ser bem paciente… Ou isso, ou aquilo….pois é….infelizmente não dá pra por a luva com anel…

    Mah | Homepage | 09-08-2003 13:08:13

    Bem, acho q qdo não se sabe qual é melhor, isto ou aquilo, quer dizer q nenhumas das opções é realmente ruim. Em geral, o problema é: os outros ou eu? – agora ou a longo prazo?.

    Sabina | Homepage | 08-08-2003 20:28:53

    Xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, num gostei desse… me cheirou muito mal. Força aí, miga!!!!!!!!!

    Ju | 08-08-2003 17:43:10

    As decisões assustam é verdade. Mas é justamente na possibilidade de tomá-las que torna a vida ao mesmo tempo tão foda e tão interessante. Tenho um filho de 5 anos (cuja foto ilustra a lateral esquerda do meu blog) e entendo a surpresa que esses “bebês” causam na gente.

    Igor | 08-08-2003 10:06:32

    O que faço agora? Continuo lendo seus posts ou escrevo um novo inspirado no que li aqui? Oh, dúvida…

    Jesse Lujack | Homepage | 08-08-2003 01:08:32

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s