MARIA MARIA

Republicado por conta de um certo espírito de porco que detonou os comentários.

Feliz dia da Mulher!

Tentei escrever algo especial sobre o Dia da Mulher. Mas, considerando minha crise criativa e a falta de tempo que anda me tirando as horas de fazer o que realmente quero nesses dias, não saiu muita coisa ( por algum infortúnio, resolvi ler o que escrevi antes de postar, coisa que nunca faço – via de regra não gosto do que escrevo – e acabei apagando tudo ).

Eu acho que já disse aqui o quanto gosto de ser mulher. Não se trata de feminismo gratuito ( muito respeito pelas feministas, mas não concordo sempre com elas ), uma vez que acho uma briga boba essa história de saber quem é melhor, mais inteligente, mais forte – o homem ou a mulher. Pra mim, a resposta pra essas perguntas não são o mais importante neste dia nem em dia nenhum, simplesmente porque penso que homens e mulheres são diferentes, e ponto. Mas gosto de ser mulher porque me sinto feliz desse jeito. Orgulhosa do meu corpo, da minha alma, do meu jeito de mulher.
Orgulhosa da luta histórica que mulheres que vieram antes de mim travaram pra chegarmos onde estamos, pra que eu pudesse dizer isso com tanta convicção e tanta paixão: ser mulher é muito bom.

Acredito, percebo, sinto que há muito a se falar sobre o feminino. Sobre o que é ser mulher num mundo preparado para os homens. Sobre a repressão do espírito selvagem e intuitivo que há em cada uma de nós. Sobre as alegrias, dificuldades, peculiaridades e prazeres de ser isso, ser feminina. E deve ser por isso que gosto tanto desse 8 de março e tudo que ele representa. É um dia pra se lembrar de ter orgulho de ser quem se é – uma mulher. Quem sabe um dia eu possa escrever direito sobre essas coisas todas.

Eu conheci uma pessoa que dizia ser inútil tentar falar de certas emoções, porque as emoções que valiam a pena ser comentadas já estariam melhor descritas em um poema. Lembrei-me desse ensinamento hoje. E por hora, há um poema do Manuel Bandeira, que uma vez me foi ofertado por um homem maravilhoso, e aos meus olhos, diz muito do que há de mais belo e cativante no feminino. Deixo de presente pra vocês, mulheres que passarão por aqui, como uma homenagem, um presente neste dia. Fica também uma dica de livro, filme e canção. E que essa força da alma feminina nunca seja sufocada em nenhuma de vocês. 🙂

Madrigal Melancólico

O que eu adoro em ti, Não é a tua beleza.
A beleza, é em nós que ela existe.

A beleza é um conceito.
E a beleza é triste.
Não é triste em si,
Mas pelo que há nela de fragilidade e de incerteza.

O que eu adoro em ti,
Não é a tua inteligência.
Não é o teu espírito sutil,
Tão ágil, tão luminoso,
– Ave solta no céu matinal da montanha.
Nem a tua ciência
Do coração dos homens e das coisas.

O que eu adoro em ti,
Não é a tua graça musical,
Sucessiva e renovada a cada momento,
Graça aérea como o teu próprio pensamento,
Graça que perturba e satisfaz.

O que eu adoro em ti,
Não é a mãe que já perdi.
Não é a irmã que já perdi.
E meu pai.

O que eu adoro em tua natureza,
Não é o profundo instinto maternal
Em teu flanco aberto como uma ferida.
Nem a tua pureza. Nem a tua impureza.
O que eu adoro em ti – lastima-me e consola-me!
O que eu adoro em ti, é a vida.

11 de junho de 1920 – Manuel Bandeira
(Em Estrela da vida inteira)

Feliz Dia da Mulher, meninas!

Anúncios

Um comentário sobre “MARIA MARIA

  1. Manuel Bandeira é obrigatório…

    Doidin’ da Garrafa | Homepage | 11-03-2004 13:48:58

    Como assim, Bial? Quem é o espírito de porco? Num tendi. beijo

    Cacau | Email | Homepage | 10-03-2004 21:13:59

    De tudo isso, o q mais me surpreendeu foi saber q vc não gosta do q escreve! como pode?????? Bjo.

    Mila | 10-03-2004 21:10:14

    Você já disse: gosta de ser mulher. E eu sempre digo: gosto pra caramba das mulheres… Minha vida sem vocês… puts… bjos! =)

    SlothSam | Homepage | 10-03-2004 20:44:21

    Agora me peguei pensando sobre o que será que nos leva a chamar “espírito de porco” a quem tem espírito de porco. Por quê de porco? Vou tentar descobrir… rs… Beijos Mafaldinha!

    Luluka | 10-03-2004 19:06:25

    Gostei muito da homenagem. Dia da mulher pra mim é especial em dobro, ou melhor em triplo, é o dia do aniversário da minha mãe (e tem mulher melhor que mãe??) e da minha irmã! Eu li o úlimo post e amei! A minha sobrinha tb tem 3 anos e começou a ir na escolinha este ano. Chorou, bateu, apanhou, mas agora ama ir na “colinha”. rs Beijão. Feliz dia das mulheres atrasado!

    kal | Email | Homepage | 10-03-2004 17:57:27

    Estou atrasada, mas tenho certeza que seu Dia da Mulher foi muito feliz. Ah! gostei mais do Pelessola…rsrs Beijos

    Karla | Email | Homepage | 10-03-2004 14:50:21

    todo dia é dia de vc ´s

    Ari jr | Homepage | 10-03-2004 11:51:46

    Acho esse 8 de março contraditório. Homens e mulheres são iguais do ponto de vista humano. Porém diferentes nos seus papeis sociais. A igualdade, ou diferença absoluta não existe. Infelizmente falta compreensão pra entender isso. Beijos Felicity

    Felicity | Email | Homepage | 10-03-2004 02:11:01

    “…O que eu adoro em ti, é a vida…”. Lindo, lindo mesmo! Beijos!

    alan davis | Homepage | 10-03-2004 00:09:16

    Feliz nosso dia, querida (de novo, rs:-))))). Beijocas!

    Taty | Homepage | 09-03-2004 21:42:00

    Nosso dia é cada um que vivemos… Beijocas, querida! 😉

    Colombina | Email | Homepage | 09-03-2004 19:12:41

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s