LUTO

Hoje de madrugada, uma pneumonia levou o meu noivo querido embora. De novo a morte veio bater na minha porta.
Junto com ele, foram enterrados boa parte dos meus sonhos… Dos nossos planos.
Eu queria transformar essa dor em palavras bonitas, era o que ele gostaria que eu fizesse.
Mas não consigo – ainda. Então, o Chico fala por mim.

Roda-viva

Tem dias que a gente se sente
Como quem partiu ou morreu
A gente estancou de repente
Ou foi o mundo então que cresceu
A gente quer ter voz ativa
No nosso destino mandar
Mais eis que chega a roda-viva
E carrega o destino pra lá

Roda mundo, roda-gigante
Roda-moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração

A gente vai contra a corrente
Até não poder resistir
No volta do barco é que sente
O quanto deixou de cumprir
Faz tempo que a gente cultiva
A mais linda roseira que há
Mas eis que chega a roda-viva
E carrega a roseira pra lá

Roda mundo, roda-gigante
Roda-moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração

A roda da saia, a mulata
Não quer mais rodar, não senhor
Não posso fazer serenata
A roda de samba acabou
A gente toma a iniciativa
Viola na rua, a cantar
Mas eis que chega a roda-viva
E carrega a viola pra lá

Roda mundo, roda-gigante
Roda-moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração

O samba, a viola, a roseira
Um dia a fogueira queimou
Foi tudo ilusão passageira
Que a brisa primeira levou
No peito a saudade cativa
Faz força pro tempo parar
Mas eis que chega a roda-viva
E carrega a saudade pra lá

Roda mundo, roda-gigante
Roda-moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração

Chico Buarque

Obrigada a todos que, eu tenho certeza, vão pedir a Deus que mande algum consolo pro meu coração. Porque, vou te contar… Tá difícil. :-((((((((((((((((((

Anúncios

41 comentários sobre “LUTO

  1. Mafalda, meus pêsames. Se você quiser alguma ajuda, desabafar, essas coisas, pode falar comigo, tá?

    Estarei orando por você. Quando eu era pequena, tinha uns 6 anos, eu peguei três pneumonias em um mês e meio. Sobrevivi só por Ele, viu? Que ele conforte seu coração e que você melhore desse momento de tristeza. Esses dias estava numa loja e a moça que estava me atendendo recebeu uma ligação. Ela começou a chorar, e eu e minha mãe ficamos com ele um pouquinho. A avó dela tinha morrido. Deus coloca as pessoas no lugar certo, na hora certa e do mesmo jeito as tira. Ele sabe o que faz. Pelo menos seu noivo está em um lugar melhor agora, e em breve você vai encontrá-lo, não é?

    Melhore dessa tristeza, alegre-se e quero ver você comentar avisando que já está melhor, hein?

    Beijinhos da Bia ;*’

    Curtir

  2. Mafalda, conviver com a vida já não é fácil, imagine com a morte.
    Certa vez conheci um homem e que nunca imaginaria que ela era o verdadeiro amor de minha vida! Só fiquei sabendo o dia em que lhe vi no caixão. Foram três anos de grande amizade, amor, carinho e compreensão. Ufa! Que infinitas lembranças. Jamais o esqueci.
    Diversos amores se passaram em minha vida, após sua perda, mas nada poderia comparar com ele ou até mesmo imaginar que poderia ser um pouquinho parecido.
    Então tomei uma decisão em minha vida. Construir ao lado do meu coração um cofre em aço. Contratei um especialista em material de aço e ele assim o fez. Construiu um cofre, lindo! Todo em aço, com chave, bem do ladinho do meu coração.
    Guardei esse amor dentro do cofre (construído todo em aço, para nunca se estragar), peguei todas as lindas recordações que vivemos as fotos, as lembranças, enfim… e tranquei-as.
    Certa vez ele me disse que somente nós mesmos é que poderíamos tomar as mais certas decisões. Não caberia a ninguém decidir por nós mesmos.
    Já se passaram 25 anos. Nunca esqueci. Vira e mexe elas voltam. Vou lá abro o cofre e revivo todas as lindas lembranças e amor que vivemos. Fecho novamente a porta do cofre.
    Ainda por muitas vezes, me pego contando nossas histórias. Mas a vida me empurrou para frente. Ele também me empurrou para frente ao me ensinar a viver.
    Assim, consegui ser forte e acima de tudo a tomar minhas decisões.

    Se cuide e procure sempre se amar e aprender a tomar suas decisões por si só. São meus sinceros votos. Suedmar – http://tocadasinformacoes.blogspot.com

    Curtir

  3. Mafalda..
    Eu sei qe não é um melhor momento.. mas qdo encontrei seu blog.. totalmente por acaso.. amei tudo qe vc escreve.. e todos os textos realmente me fazem pensar em coisas qe a muiton tempo eu não pensava! Mundando de assunto..de certa forma.. eu sei o qe você está passando.. num é nada fácil perder alguém tão próximo da gente… eu sei pq perdi meu pai muito cedo.. e num é fácil conviver com a saudade e com as lembranças.. mas por mais difícil qe seja.. é superável! É bom sim, ficar um tempo triste mesmo.. mas chega uma hora qe é necessário seguir em frente e tocar a vida!! Bom… se precisar.. conte comigo! Beijoos!

    Curtir

  4. Compartilho sua dor.
    Tenho lido o que vc escreve nestes últimos dias, tive contato com um texto seu pela primeira vez lendo aquele sobre o “não” da menina Eloá, e gostei mt, então de vez em quando venho ler o que escreve. E hoje, que triste notícia…
    Mas, fique firme, sua dor pode até demorar, mas vai passar… É como diz a Bíblia: “O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã” Por mais que pareça longa, a noite vai passar….

    Curtir

  5. Que Deus te abençõe e o dom da escrita te alivie, ainda que bem pouco diante da dor que está sentindo…
    Não consigo imaginar e não tenho palavras para expressar o quanto quero que seja feliz e que supere essa perda de um pedaço de você. Deus está sempre conosco, em todos os momentos. Acredite!

    “ainda que vier, noites traiçoeiras, se a cruz pesada for, Cristo estará contigo, o mundo pode até fazer você chorar, mas Deus te quer sorrindo!”

    Reze, que Deus vai aliviar a sua dor e confortar o seu coração. Você é forte e vai superar…

    fica bem…

    Curtir

  6. Karininha,

    Você sabe alentar a vida de muita gente dividindo suas experiências e percepções neste blog. Faz a gente pensar, sentir, organizar muita coisa aqui dentro. Tenho certeza que muitos de nós, gostaríamos de tirar esta dor imensa do seu coração “com a mão”, como se diz… Ou com nossas palavras, ou nosso carinho. E falando de mim, tenho este desejo, mas também a certeza que nada em particular que fizermos poderá “apertar o botão” da mudança, de administrar sua dor, de transformá-la. Juntos podemos ajudá-la em energia, mas só você, e, só quando estiver pronta, poderá fazê-lo.

    No filme do Menino Maluquinho, fala uma frase incrível que gosto muito: “Tristeza é feito chiclete. A gente tem que mascar até sair o gosto”. Eu fico pensando que é exatamente isso, se a gente joga fora a tristeza antes de estar pronto, “guarda malinha”, fica com o gosto na boca. Tem que jogar fora mesmo, mas depois que sair o gosto. Só espero que não demore, Querida, pois com todas estas coisas inexoráveis e muitas vezes incompreensíveis que acontecem, a vida é especial, bonita mesmo e pessoas como você podem fazê-la um instrumento e um recurso maravilhoso para o bem, para a felicidade e para o amor. Você ainda vai renascer disso e construir muitas vezes mais.

    Se nossas palavras não parecerem ajudar, por favor, lembre das suas próprias:

    1. (Uma especial que você disse pra mim) “Tati, não se preocupe, pois de um caminho andado pra frente, a gente nunca volta atrás!”

    2. “Olhar um casulo aberto é triste e feliz ao mesmo tempo. Sei lá, dá uma sensação de missão cumprida e sonho acabado. Mas é só olhar do lado pra ver uma outra largartinha começando tudo de novo. E aí a gente se dá conta da maior beleza de todas.

    “Na natureza, as histórias são assim: voltam pro começo quando chegam no fim.” (Hélio Ziskind)”

    3. “A alegria é diferente… É impressionante como a alegria se multiplica e contagia, e como ela fica, e como se torna motivo de esperança em meio a qualquer tristeza. Tente ouvir uma música alegre, tente ir onde as pessoas estão conversando alto e animadas, em um baile onde todos dançam descontraídos, em uma festa onde todos estão sorrindo, em um campo de futebol onde todos gritam, e pulam, e se abraçam quando acontece um gol. Não dá pra ficar imune, e a sensação é doce. A alegria se transmite… E fica com quem a compartilhou.

    Passando a mão na barriga da minha amiga, eu quis que ela fosse ainda mais feliz. E, por mais impressionante que seja, deixei minha tristeza de lado… Pra ser feliz como ela.

    Espero em breve poder retribuir, mostrando que o broto de alegria sempre dá alguma flor. Em nós mesmos e nas pessoas que amamos.”

    Eu acredito nelas de verdade. E muitas vezes as usei como ferramenta pra aumentar minha força e crença diante da vida. Espero que relembrá-las possa ter o mesmo efeito curador sobre você.

    Um beijo, um abraço e todo o carinho,

    Tati

    Curtir

  7. Te conheci através do teu texto sobre a menina Eloá, linkei teu blog e estranhei a demora de novas postagens…Agora entendo e me ponho solidário. Gostaria de fazer alguma coisa para aliviar tua dor…Assim, rezo! E escrevo um singelo HaiKai…
    Uma flor murchou
    E era primavera
    A mulher chorou
    Se poder fazer mais é só dizer…

    Curtir

  8. Karina, eu sinto muito, de verdade. Eu sei que isso não quer dizer muita coisa e que uma perda dessas faz o coração demorar para cicatrizar. Eu meio que acompanhei um pouco o relacionamento de vocês através do seu blog durante esses quase cinco anos em que o freqüento, e, pelos seus textos, vocês pareciam se dar bem, ter uma ligação de companheirismo. E uma coisa eu digo: a dor passa. Você nunca vai esquecê-lo, mas o bom da memória é que ela deixa as lembranças um pouco desfocadas com o tempo, e quando uma coisa foi essencialmente bonita, a essência fica, e o sofrimento posterior é deixado de lado.
    Com certeza ele gostaria que você só se lembrasse dos momentos bons que vocês passaram, e não da tristeza que é ele ter ido embora. E eu sei que você vai sair dessa com a cara e a coragem, e ainda vai tirar lições disso tudo.
    Um grande beijo, e fica bem, viu?

    Curtir

  9. Querida,
    nada nesse momento que for dito, aliviará sua dor. Nunca passei por isso, e juro, temo até de pensar, mas sei que com Ele e só assim, você poderá, não digo superar, mas aceitar esse momento. Fique em paz, e se precisar de um colo, de ser ouvida, estou por aqui, mesmo virtualmente. bjs

    Curtir

  10. Karina, faz muito tempo que visito seu blog e já li todos os aeua posts. Nunca deixei uma mensagem, mas com esta notícia que li hoje, senti a necessidade de prestar solidaridade a você. Sinto que lhe conheço pessoalmente, pois acompanho sua vida e seus sentimentos. Apesar de não lhe trazer muito alívio nesta hora, gostaria de lhe transmitir força e paz para enfrentar este infortunio em sua vida. Você é uma pessoa maravilhosa e iluminada… Utilize estas qualidades para superar esta dor insuportável. Se precisar de mim, antes tão anônima, não hesite em me procurar. Mesmo você não me conhecendo, gosto muito de você e torço para que você, com o tempo, consiga ser feliz novamente.

    Curtir

  11. Karininha… do fundo do meu coração e dos meus pensamentos, eu peço que Deus lhe segure no colo.
    A vida é estranha e injusta. Mas deve haver uma explicação para tudo. E um dia a gente vai descobrir.
    Um abraço bem apertado em vc.

    Curtir

  12. Karina…a qtos anos te conheço atraves das suas palavras…palavras que tantas vezes falaram de mim…falaram para mim…a antos anos…sempre te acompanhei …sempre te li…e acredite vc faz parte da familia, da conversa de amigas, esse fim de semana conversando com minha prima…dizemos…é como a karina diz…ela esta tão perto e tão longe da gente…

    Hj eu estava triste e fim aqui buscar colo emsuas palavras como tantas outras vezes ja fiz…e vejo uma ‘mafalda’ sentadinha num canto de cabeça baixa, triste pela perda de um amor…miga e me sinto no direito de chama-la assim…um abraço….um colo…vc naum ta sozinha…e nem ele…chora tudo que sua dor tiver que chorar…hj o ceu é teu…deixa chover toda sua tristeza…lava tua alma…que o coração vai acalmar e um raio de sol vai surgir e tu vai ver, ele estara do teu lado, teu anjo, te protegendo…
    Muita luz amiga….
    xero no coração

    Curtir

  13. Miga, miga, miga…
    Como é difícil ver voce triste…
    Como é difícil pensar no que aconteceu com voce…
    Mas o seu post me deu uma pista da sua força:
    “Mas não consigo – ainda.”
    Ainda não. Mas vai conseguir.
    Bjo, se cuida, te amo de montão.

    Curtir

  14. Karina,

    Passei a te admirar depois que o seu texto “Como criar um monstro” foi lido e elogiado pelo Padre Fábio de Melo no programa direção espiritual na Canção Nova. Você tem uma sensibilidade muito grande. Apesar de não te conhecer pessoalmente também estou solidário a você, devido a este momento tão difícil em sua vida. O Padre Fábio é uma das pessoas que mais admiro pela sua capacidade de confortar o coração das pessoas. Se você quizer ver os vídeos dele, estão no blog dele, basta digitar “direção espiritual” no google. Tenho certeza de que as palavras dele irão confortar o seu coração.
    Qeum quizer ver o vídeo do Padre Fábio sobre o texto que a Kariana escreveu, o endereço no youtube é:
    http://br.youtube.com/watch?v=OHYWQXYq4vg

    Um abraço

    Curtir

  15. Você tem me feito pensar em coisas boas ultimamente…como outros que viram seu blog pela primeira vez no texto referente a Eloá…eu também fui uma delas…e passei a vir aqui algumas vezes…hoje, fiquei triste por você também…mas, acredite, Deus vai te dar o conforto e a paz necessária para passar por este momento. Hoje talvez ainda esteja difícil, mas conversa com Ele, entrega pra Deus a sua dor e pede que Ele com certeza vai aliviar seu coração. Esta é a minha oração para você. Que Deus te abençõe.

    Curtir

  16. Karina, sinto muito. Desejo que você encontre o conforto e paz necessários para superar esse momento. Espero que encontre alívio para sua tristeza.
    Admiro muito seu trabalho.

    Curtir

  17. Mafalda crescida…

    é o que vc é: uma menina crescida!
    Pouco te conheço, mas o seu talento pra dizer as coisas certas, não encontramos em qualquer cabeça.
    Engraçado que depois de umas semanas resolvi escrever novamente pro meu blog e falei sobre uma música que ouvi num filme, que me tocou muito. De Chaplin, chama-se SMILE.

    Já passei (mais de uma vez, diga-se de passagem), por essa situaçao. Não é fácil. Não se esquece, mas aprendemos a conviver com esse sentimento de saudade. Eu era bastante quieta, introvertida, até que em algum momento, alguém disse que meu sorriso era lindo. Decidi sorrir mais; quanto mais eu sorria, mais elogios eu recebia. Com o passar do tempo, percebi que eu me sentia feliz de verdade.

    LIndinha, tenho certeza que vc tem um sorriso maravilhoso. faça o que fizer, lembre-se de ao menos 1x ao dia sorrir. Olhe-se no espelho e sorria pra si mesma. É isso.

    Com o tempo as coisas voltam ao seu curso natural. Dizem que quando somos pequenos, é mais fácil…. não sei. Hoje também sou crescida e claro, compreendo melhor as coisas, mas meu coração não é de pedra.

    O fato é que certamente você tem um caminho brilhante a traçar. Não sei em que você acredita, então te digo: acredite no amor, acredite em si mesma.

    Um dia de cada vez.

    Te desejo paz, muita paz!!

    e precisando, “tâmos aê” heheheh

    beijo grande!
    Dani Pessoa

    Curtir

  18. Mafalda,
    Conheci o seu blog por meio do texto “Criando um Monstro”. E hoje resolvi dar uma “passadinha” por aqui para ver outros textos e soube da notícia. Não tenho palavras ou receitas de auto-ajuda … só sei dizer que é hora de conviver com a dor , de com ela conversar sem querer saber o sentido. Daqui de Brasília, envio para você virtualmente o meu carinho e uma sopinha de batata a la Mario Quintana,sempre uma boa companhia para momentos tristes.
    Conceição de Maria

    Curtir

  19. vc pode nao ter colocado as palavras mais bonitas que existem neste texto, mas o sentimento que vc depositou ao escreve-las… as tornou sublimes…

    pois o compromisso esta no coraçao e a beleza da vida na intençao

    Curtir

  20. Ola ! Em primeito lugar quero lhe desejar meus sentimentos, sei o quanto é triste esse tipo de perda. Também queria te dizer que acompanho o seu blog a algum tempo e realmente você tem o dom das palavras. Parabéns !
    Depois se possivel dê uma olhadinha no meu blog também, e fique a vontade pra deixar sugestões.
    😉
    Beeijos.

    Curtir

  21. Karina, meus sentimentos! É muito triste perdermos alguém que tanto gostávamos e, principalmente, que tínhamos planos…mas, saiba, que Deus é de uma bondade muito grande e não quer nosso nunca!!! Com certeza ele tem planos mais grandiosos para todos aqueles entes que seu noivo deixou aqui na terra…temos que ser fortes para superarmos a perda daqueles que amamos!!!

    É difícil encontrarmos uma fortaleza quando nos sentimos fracos com uma perda tão grande, entretanto nossa fortaleza é alcançada quando conseguimos levantar a cabeça e seguir adiante. Tenha certeza que aquela pessoa sempre estará conosco, mandando energias positivas para continuarmos a nossa jornada!

    Grande beijo!

    Priscila / Salvador-BA

    Curtir

  22. Deus cuidará de Você.
    Acredite nele e aceite o que aconteceu.
    Lendo teus textos que há mais de um ano acompanho dá pra sentir o quão sábia você é…nãopermita que tudo isso se perca com sua dor!
    Nós precisams de tuas palavras.

    Um grande abraço solidaria a tua dor e perda!

    Curtir

  23. Eu nem sei o que te dizer. Há muito tempo não entrava aqui, hoje por acaso abri alguns blogs e me deparo com a essa primeira frase desse post. Gelei, chamei o Hugo, a garganta fechou num nó, lembrei das suas fotos no orkut, lembrei do seu Celta vermelho, das suas histórias deliciosas, da vez que íamos nos ver finalmente… Lembrei de tudo numa fraçãozinha de segundos e chorei. Por você, muito por você, minha querida.

    Meu celular continua aquele mesmo, se quiser ou precisar de qualquer coisa, um café pela cidade ou uma cerveja ali no boteco, pode ligar a hora que for… De verdade.

    Um beijo, minha flor. E te desejo muita energia boa pra que você crie forças e reconstrua o projeto da sua vida.

    Curtir

  24. Olá…estou sem palavras…até um pouco atordoada!!!

    Vim até ao google procurar sobre “luto” e como “seguir em frente”, e acabei achando seu blog.

    Também perdi meu noivo em Dezembro do ano passado, devido uma pneumonia.

    Todas suas palavras e sentimentos são exatamente o que senti e ainda sinto.

    Queria conversar com você. Se puder entrar em contato por email…

    Força!!!!

    Deus te abençõe!!!

    Bjos

    Curtir

  25. Estava zoando, entrei e li, gostei e sinto, sinto muito, a sua perda. Ver a morte não é fácil, principalmente daqueles que são partes da nossa frágil existência. Também perdi minha irmã, hoje posso escrever sobre isso, sem brotar o choro convulsivo, hoje choro manso, meio inconformado, meio perdido. Não sei se te ajuda, mas o olhar adquire uma expressão profunda quando se debruça sobre a morte, vem uma força que se arranca da perplexidade. Continue, deixe a força brotar da perplexidade, deixe as profundezas chegar ao olhar. Depois disso, se vê a vida com outros olhos, olhar de profundidade e força.

    Curtir

Deixe uma resposta para Isabella Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s