INÍCIOS

Ah, a beleza dos inícios…

Qualquer início tem algo de uma página em branco, um “era uma vez…”, uma roupa nova, um primeiro dia, uma sensação gostosa de “tudo pode acontecer”. O início é belo porque tem um quê de esperança, de inocência, de recuperação de finais passados, de redenção. Toda tela de início é pintada com as melhores tintas, os melhores traços, as melhores nuances. Quem inicia ajeita os olhos pra ver só o que é bonito, e isso é tão gostoso.

Ah, a alegria dos inícios…

Se o início é algo sonhado e desejado há muito tempo, não dá pra parar de rir. Existe uma empolgação constante, uma euforia que se tenta a todo custo conter e represar, mas que vaza em sorrisos bobos, pulinhos, abraços, olhares perdidos. O iniciante manda beijos pelo ar, fala sozinho, grita, canta alto, toca bateria imaginária. É tomado por uma energia fantástica que vem não se sabe de onde, uma fonte inesgotável de alegria e prazer.

Ah, o encanto dos inícios…

Quem inicia fica arrepiado ao ouvir um barulho de telefone, sente-se maravilhado com as coisas mais simples, quer saber detalhes de uma vida toda em um mês, quer engolir tudo e fazer seu. Jantares, conversas intermináveis pelas madrugadas, uma sensação de não querer ir embora, pensamento fixo, desconcentração em qualquer outra coisa que não seja o que motiva, o que cutuca, o que encanta. O iniciante não só se prepara para ver o melhor, mas também separa o melhor de si para mostrar. Capricha nas palavras, na maquiagem, nas escolhas, retoma velhos projetos abandonados, vasculha na própria alma o brilho mais intenso que emitia antes das dores da vida. Toma cuidado com o que diz, zela pelo que tem, finge não ver o que magoa. Nada – nada – se compara à luz que vem de quem está iniciando algo.

Ah, a disposição dos inícios…

É longe? Eu vou. É difícil? Eu faço. É triste? Eu ignoro. É complicado? Eu resolvo. É cansativo? Eu aguento. É problemático? Eu aceito. É feio? Eu enfeito. No início, “há motivo pra tudo, e tudo é motivo pra mais“. Noites mal dormidas, torcida contra, argumentações racionais, cansaço e fome, tudo isso é nada. O início é alimento, é descanso, é prazer, é o que satisfaz, é o que precisa, é o que basta. E ai de quem disser o contrário.

Todo início é feito de esperança, de boa vontade, de ilusão… De sonho. Quem inicia é animado, cauteloso, cuidadoso, zeloso, dedicado.

Claro, com o tempo, reiniciar vai carregando as marcas do que já foi, das experiências passadas, de tudo que um dia se acreditou e não deu certo. E passa-se a vida inteira tentando encontrar a sensação do início… O frio na barriga do primeiro beijo, do primeiro amor, do primeiro emprego, do primeiro carro, do primeiro salário, da primeira noite, da primeira viagem…

E claro, também, não se pode manter iniciando sempre algo que continua. E isso nem é de todo ruim. A passagem do tempo e o acúmulo de experiências tem suas vantagens. Mas uma coisa é certa.

Evita o fim quem é capaz de sempre manter algo de início em tudo que dura.

*****

EXPEDIENTE:

Segue firme e forte a votação para que o Mafalda Crescida deixe de ser exclusivamente feito de bites e pixels para concretizar-se em papel e habitar as estantes e criados-mudos dos leitores.

A você que já votou, obrigada, e se o interesse for grande, pode votar de novo!

E se você gosta do blog e não votou ainda, esta é sua chance… Clica. 🙂


Anúncios

15 comentários sobre “INÍCIOS

  1. Que lindo, amiga…
    Duro é quando se tem tudo isso de início e antes que aconteça a chance de durar, tudo rui, despenca… E se descobre que iniciamos algo sozinhas…

    Bjs… Que seja um início e uma continuidade linda pra vc… Alguém tem que ser feliz nessa vida, e você merece mais que ninguém!

    Curtir

  2. Todo mundo achando que vc tá falando de um novo início, que tá apaixonadinha, e tal… Mas eu senti um tom triste e saudosista qdo li, como se vc estivesse querendo dar um restart aí no seu coração pra poder viver isso de novo… E agora, vai deixar de ser misteriosa e nos contar quem tem razão?
    Vc está certa, a gente passa a vida toda tentando recuperar, em vão, a alegria e a disposição do início…
    Eu te amo, sua linda, e já votei um monte de vezes em vc. Vou continuar votando. Quero seu blog na minha estante!
    Bjoooooooooo

    Curtir

  3. Você é encantadora no uso das palavras mesmo…
    Suspirei tanto lendo tudo isso.
    A sensação do início é ótima.
    Mas, como você sinalizou, a convivência também tem suas vantagens.
    Adorei a frase final.
    E espero que você se disponha a iniciar algo breve, muito breve…
    Se uma pessoa como você não for feliz, então tem algo de muito errado neste mundo.
    Beijos… E sigo votando pelo menos 20 vezes por dia em você. 🙂

    Curtir

  4. Você não sabe quem eu sou, mas lendo isso, esse tão delicado pedido para a vida de que te dê uma nova chance de ser feliz… Tomei a decisão de não descansar enquanto não fizer a srta. iniciar algo em sua vida comigo. Me aguarde… Vou te surpreender.
    Beijos, muitos, e dos melhores.

    Curtir

  5. Definitivamente, você consegue transformar sentimentos em palavras com maestria.
    Torço por você, ainda que nosso contato seja apenas virtual. Estou votando também.
    Desejo tudo de bom!
    Grande Beijo!

    Curtir

  6. Lindo, Lindo, Lindo…
    É o milagre da primeira vez…

    Karina, votei, votei de novo, votei mais uma vez… e vou continuar votando.
    Vou querer meu exemplar autografado!!!!

    Beijo e uma vida encantada para você!

    Curtir

  7. Mas porque é tão difícil manter o mesmo encantamento do inicio?
    BAsta querer continuar cativando a cada dia, como se fosse o primeiro!
    “Como se fosse a primeira vez!”
    Amei seu blog, preciso dormir, mas nao quero parar de ler…

    Curtir

  8. Os inícios, quando se concluem, oferecem-nos o prazer do meio. Deixar-nos verdadeiramente enredar pelo enredo adia epílogos. O início desencadeia, mas é no meio que a história ganha corpo. E eu adoro um corpo e uma história… Ambos contam-se no escuro e afastam medos. Espantam a solidão, esse fantasma de assombrar gente grande.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s