40 TEMAS PARA OS 40 ANOS – DESTINO

Seria a vida um mero acumulado de dias que vão passando, um depois do outro, sem um grande sentido ou propósito, um pontinho de luz no fio da existência, que tem começo, meio, e fim, em que cada um de nós faz sua participação e sumirá para o mais absoluto nada, na poeira dos dias – o mesmo nada de onde viemos?

Seria a vida um grande cruzamento de coincidências que vão batendo uma na outra, nos dando a impressão de que são intrinsecamente relacionadas, quando não são mais que fatos que vamos pinçando ( enquanto desconsideramos tantos outros ) para criar um enredo, uma história com sentido?

Seria a vida o tal bordado feito por um gênio com a agulha do tempo, que só vemos do lado do avesso, sem a menor compreensão do que está sendo bordado, mas que forma um desenho perfeito quando olhamos o todo de cima, do local da eternidade?

Seria a vida uma farsa, um roteiro feito por um grande criador divino, onde todos os fatos já estão escritos, criados e fadados ao nascer, todos os diálogos já estão bolados, todos os finais já estão escritos, e que são simplesmente encenados por nós sem nenhum direito de escolha, de interferência, de livre arbítrio, esperando pelas vaias ou aplausos ao final da peça?

Seria a vida um caminho flutuante, que ninguém sabe onde vai dar, onde todos estamos indo ou caindo de acordo com a vontade do vento, deixando a vida nos levar, apenas reagindo a cada fato ou evento, tentando colocar sentimentos onde só deveria haver a fruição do momento?

Seria a vida uma preparação para algo muito maior e mais longo que virá depois? Seria a vida uma purgação de algo muito maior e mais longo que veio antes?

Seria a vida uma ilusão, uma matrix, uma espécie de sonho ruim, onde somos controlados em tudo sem perceber?

Seria a vida feita de escolhas racionais, conscientes ou não, onde todos estamos assumindo riscos, fazendo investimentos, colhendo os frutos que foram plantados, uma matemática perfeita entre o que queremos, fazemos e ganhamos ou perdemos a partir disso?

Seria a vida uma “caixa de bombons“, todos embrulhados da mesma maneira, que vamos desembrulhando pouco a pouco, sem saber que sabor vamos encontrar?

Seria a vida um misto de oportunidades e ações que escolhemos, onde 50% depende de nós, e 50% é totalmente imponderável e imprevisível?

Seria a vida uma grande correnteza que nos arrasta para onde quer invariavelmente, nós… Frágeis barquinhos de papel?

Haveria um destino planejado pra mim, do qual tentei fugir, mas tal como na tragédia de Sófocles, Édipo Rei, ao tentar fugir, apenas corri de encontro a ele?

40 anos de perguntas… Todas essas respostas já passaram por mim, e nenhuma delas me parece a correta.

De qualquer maneira, ainda tento segurar o leme da minha vida com as mãos. Mas não há duvidas que estou no mar… E “é ele quem me carrega como nem fosse levar”.

Anúncios

3 comentários sobre “40 TEMAS PARA OS 40 ANOS – DESTINO

  1. Miga linda vc tá precisando beber um pouco (mto), e arrumar um namorado novo bem gato… rs Tá pensando demais.
    Vou resolver seu problema, ao menos uma parte dele. Me aguarde. kkkk
    Lindo texto…
    Aliás, vc tá escrevendo cada vez melhor… Vamos investir nesse seu dom? Se deixar eu empresariar os seus mtos talentos, especialmente o de escrever e cozinhar, nós vamos ficar ricas. Que tal? Deixa vai.
    Beijoca, minha flor, amo vc mto e morro de saudade dos nossos longos papos nas tardes de inverno quando a gente era mocinha. :0)

    Curtir

  2. As vezes sinto que a vida segue na contramão do que é certo e, como se não bastasse ,passa pelos sinais vermelhos, em alta velocidade, causando nos um mix de medo e enorme prazer. Em alguns momentos nos deixamos levar por ela, de propósito, mesmo sabendo dos riscos que corremos, mas em outros, somos levados sem a mínima condição de tomar a direção e ficamos na torcida para que, nos cruzamentos da vida, consigamos passar ilesos, sem causar danos, acidentes, sofrimentos. Queria eu acertar a mão, pisar no freio, respeitar os sinais. Queria eu não desejar e não sentir gostosas sensações que só o sinal vermelho proporciona.

    Quando tiveres a receita, a fórmula para controlar o leme da sua vida, disponibilize aqui, pois, também preciso controlar a direção da minha.

    Adoro seus textos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s